Scout de Bulldogs 29-17 Warriors

Após a vitória do Bulldogs Futebol Americano sobre o Porto Alegre Warriors, foi decidido que a final será em Venâncio Aires, mesmo local da partida da terceira rodada de ambos os times!

ALTA PRODUÇÃO
Pela primeira vez na história da Copa duas equipes somaram mais de 220 jardas ofensivas dentro do mesmo jogo.

ATAQUE CONSTANTE
Em todos os seus jogos oficiais até então, a equipe do Warriors teve pelo menos 200 jardas ofensivas.

DOMÍNIO DA BOLA
Os Bulldogs tiveram 60 snaps ofensivos na partida, a sua maior marca em um jogo oficial, contra apenas 38 da equipe de Porto Alegre.

EFICIÊNCIA AÉREA
A equipe do Warriors anotou pelo menos dois touchdowns aéreos em todos os seus jogos na competição.

PROTEÇÃO DO QUARTERBACK
Pela sexta partida consecutiva, a linha ofensiva do Bulldogs não cedeu nenhum sack à defesa adversária.

CORRENDO COM A BOLA
42 corridas e 211 jardas: esta partida marcou a maior produção ofensiva terrestre do Bulldogs na história. Somente no drive de abertura do terceiro quarto, forma 9 corridas consecutivas.

EFICIÊNCIA AÉREA (2)
Pela segunda partida consecutiva, a equipe de Venâncio Aires marcou múltiplos touchdowns aéreos (2).

ARRISCANDO
As equipes resolveram arriscar em 4ª descidas, e foram compensadas. Foram 6 conversões de 4ª descidas, três para cada time.

TERCEIRA DESCIDA
Pela primeira vez na história, a equipe do Bulldogs não cedeu nenhuma conversão de terceira descida (o Warriors terminou o jogo 0 de 8 nesta categoria).

FALTAS DEFENSIVAS
As 9 faltas aplicadas da defesa do Warriors foi a maior marca até agora na competição.

Start a Conversation

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *