Scout de Warriors 54-0 Raptors


CURIOSIDADES DA PARTIDA

ESTREANTES

A partida reuniu duas equipes estreantes na modalidade full pad em partidas oficiais. O vencedor seria a segunda equipe gaúcha a fazer essa estreia com vitória (a primeira foi o Soldiers, pelo Gauchão de 2012), e a honra ficou com o Warriors. A pontuação obtida pela equipe (54) é a maior para um estreante gaúcho, assim como foi a segunda maior marca da história da Copa RS (Soldiers fez 62 contra o Mustangs, em 2016).

COMEÇO DIFÍCIL

O Raptors se tornou a sexta equipe gaúcha na história a não marcar pontos em sua primeira partida oficial (Bulls em 2012, Drones em 2013, Bulldogs e Snakes em 2016 e Ximangos em 2017).

UM POUCO DE TUDO

A equipe do Raptors se tornou a terceira equipe desde 2016 a registrar em uma partida de campeonato estadual touchdowns terrestres, aéreos, por interceptação e por fumble recuperado (Soldiers o fez contra o Mustangs no Estadual de 2017, e o Bulldogs contra o Ximangos na outra partida da primeira rodada).

OUSADIA RECOMPENSADA

A equipe do Warriors resolveu arriscar: as 7 tentativas de 2 pontos com 4 sucessos são as maiores marcas da história da Copa RS, e as segundas maiores do ano (Soldiers fez 5/9 contra o Gorillas, na última rodada do Estadual).

SEM CHUTES

A partida do domingo foi a segunda partida nos últimos dois anos no estado a não registrar uma tentativa de chute, seja field goal ou extra point (a primeira foi Soldiers x Gorillas, no Estadual deste ano).

PONTOS COM A DEFESA

O Warriors foi a 4ª equipe na história a conseguir 2 safeties na mesma partida, e a primeira a conseguir na Copa RS. As outras: Pumpkins (vs Mustangs, Gauchão 2016), Gorillas (vs Mustangs, Gauchão 2017) e Soldiers, que conseguiu 3 contra o Bulls no Estadual deste ano.

TURNOVERS EM EXCESSO

Os 7 turnovers registrados pelo Raptors foram a maior marca do ano nos certames estaduais, igualando à marca do Mustangs contra o Soldiers no estadual. O número também igualou o recorde da competição (Mustangs, vs Snakes em 2016).

TERCEIRAS DESCIDAS

A equipe do Warriors foi a primeira equipe, desde o começo do registro das estatísticas (2016) a vencer uma partida em um campeonato estadual sem converter uma primeira descida: a equipe foi 0 de 4 nesta partida.

ATAQUES FALTANTES

Os ataques das duas equipes, somados, igualaram o maior número de faltas da história da Copa RS (18), registrado na primeira rodada do ano passado, entre Bulldogs x Mustangs.

JOGO TERRESTRE

A equipe do Warriors limitou o Raptors a -39 jardas terrestres, menor marca da história da Copa RS.

Start a Conversation

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *